domingo, 31 de maio de 2009

Free as two little biker birds

É óbvio que nós tinhamos que andar de bicicleta em Amsterdam. Quem conhece a cidade, sabe que bicicleta e Amsterdam são praticamente sinônimos. E eu amei isso lá. Amei muito! Tudo é organizado pra que o ciclista esteja muito seguro e que todo o resto do trânsito (carros, ônibus, pedestres) conviva com isso muito bem.
Mas vocês sabem, eu fiquei apaixonada pelo lugar (a ponto de querer morar lá - mesmo). E, por toda essa paixão, muita coisa pra fazer e tal, só sobrou tempo pra pedalar no último dia! Nosso voo pra Londres era às 2h da tarde. Acordamos cedo e fomos pra rua.
O primeiro passeio foi no melhor parque da cidade (pertinho do hotel). Mesmo nesse dia cinza (cinza e meio chuvoso=dia lindo), foi tudo maravilhoso! MARAVILHOSO!


Só ele consegue (ui) fazer fotos e vídeos com a bike em movimento. Que homem.



ò o Jul... passou.



Minha foto preferida. Tá até virando quadro (depois eu conto).

Passeio fora do parque, claro. Pelas ciclovias, pelas ruas, pelas praças... E parada obrigatória.

Sabia que essa é uma das minhas páginas preferidas EVER? Não sei exatamente por que, mas eu adorei.

Beijo!

terça-feira, 26 de maio de 2009

I am...

Pensa numa pessoa tonta.
...
Agora dá um alfabeto gigante pra ela:



Ai, confesso: foi MUITO divertido!


Assim eu tirei várias. Porque EU posso =P


Onde está Wally?


E essa é a primeira página do álbum.

Beijo!

domingo, 24 de maio de 2009

E quando a tarde chega...

No mesmo dia do estádio e do Mercado das Flores, fomos passear pelo nosso bairro.
A foto que virou página do álbum, com saquinho de embalagem da lojinha e tudo mais.
Como diria o Chandler: could this be any cooler?

E de novo passamos pelo Rijks. Coisa linda

Museu Van Gogh. Morri de felicidade.
Praça dos Museus, no Bairro dos Museus. Nosso bairro.

Pouco vento, viu. Quase nada.
Olha minha página com meu ticket! Como um pedaço de papel faz a gente tão feliz?

Claro que não pode tirar foto lá dentro. Essa foi muito rapidinha só pra registrar =P Fiquei estasiada. Ver Van Gogh quase com as mãos é coisa de outro mundo, já disse isso aqui. E sabia que ele tem dois Quartos? Eu não sabia! Lá no D'Orsay tinha um e eu já tinha tido um treco, porque é um dos meus preferidos. Aí chego aqui e vejo outro. Como assim? É, pô, tem dois. Nunca pensei. Mas ó, parar na frente de um Van Cogh, qualquer um, é meio hipnótico, não sei. As cores, a textura, aquele tanto de tinta. Tudo. Demorou muito tempo pra eu acreditar que estava aí dentro. Foi meio surreal mesmo.

Passeio à noite. Delícia! Mesmo com aquele frio que você nem imagina que existe hehehe

Friends, sempre Friends. Tudo começou com Friends, sabia? Ah, não vou contar tudo de novo heheheeh
Beijo!

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Vamos voltar?

Pra Amsterdam?
Vamos, sim. Eu quero =P

É óbvio que a gente visita estádios de futebol. É óbvio que o Julio sempre sonhou em conhecer o Amsterdam Arena. É óbvio que a gente foi.

É absurdamente magnífico! Mas só entende isso quem gosta muito de futebol. Como nós =P

Foi uma visitinha com centenas de fotos (muitas, muitas mesmo, de absolutamente tudo - o Julio é doente), não vou nem me dar o trabalho de escolher mais. Essa aqui é só pra vocês saberem a complexidade do passeio: visitamos até a cabine de segurança e aprendemos a mexer nos monitores que os moços mexem pra saber quem tá sentado onde e como os torcedores estão se comportando FORA do estádio.

Registro para o álbum: fotos, comprovante da lojinha e ingresso da visita (o melhor datador possível, né?)


Naquele megainverno não ia dar MESMO pra conhecer os campos floridos da Holanda (aqueles da novela), mas o Mercado das Flores já me fez muito feliz.
Embora o moço tenha dito que não iam crescer aqui, trouxe algumas sementes de tulipas. Não posso dizer que cresceeeeeeeeram.
Com essas fotos cheia de coisas e de cores, não coloquei muitas muitas coisas na página.

Flores sempre fazem a gente sorrir, né?
Beijo!