quinta-feira, 30 de julho de 2015

Barcelona - Dia 02

Bom dia, Barcelona!

Vou usar essa foto pra falar um pouquinho do Snapchat. "Descobri" esse app um pouquinho antes de viajar. Na verdade, tinha baixado fazia tempo, mas não fazia a menor ideia do que era. Só via todo mundo usando, mas morriiiiiaaa de preguiiiiiça de ter mais uma rede social. Sem contar que não entendi lhufas a primeira vez que abri, o que me dava mais preguiça ainda. Mas resolvi insistir, testar se estava ficando realmente velha demais pra tecnologia. Deu certo, ainda bem, porque usei MUITO na Espanha.
Quem nunca usou o Snap, dá uma olhadinha por aí (no youtube tem até tutoriais) e me add: dansoulfine. O que mais gostei dele é que tudo que você posta, apesar de sumir em 24 horas, pode ser salvo no seu celular. Na viagem, eu fazia um monte de minivídeos ao logo do dia e, à noite, salvava tudo. Claro que poderia fazer isso com uma filmadora convencional, mas aí não seriam vídeos de 10seg (ou filma ou vive, né? eu escolhi viver) e precisaria carregar mais uma coisa. Só sei que o Snapchat acabou me estimulando a registrar mais, além das fotos todas. E essa lindeza aí de cima me fez lembrar do app porque, nesse mesmo momento da sacada, tem um vídeozinho dela dizendo "bom dia, bacelona!!". Toda linda.

(momento violino)
Foi por isso que saí da minha casa. Este era o sonho. Sempre que cogitávamos ir à Espanha, eu pensava: aaaah, a Sagrada Família. Este dia foi especial. Inacreditável, eu diria.

 E levar minha filha, tirar essa foto, ficar um tempão olhando pra cima, olhando tudo... Maravilhosa.

Te entendo, filha.

E dentro? Se ela é todo aquele deslumbre por fora, por dentro é impressionante.






Tô pensando em voltar anualmente pra fiscalizar a obra. Vai que erram.






Depois de esperar muuuuUUUito a mãe olhar tudo que queria olhar (gente, sonho é sonho, me abracem), merecia um sorvete na pracinha.


                   
Que sorte maior eu poderia dar, além de estar nesse lugar, ainda ter um parquinho pra minha filha brincar?






 E no mesmo dia ainda teve CampNou Experience, o que também foi ótimo. O estádio é lindo, as instalações,  o museu, tudo. Até o Neymar fica lindo em Barcelona, hehehehe. Mas faço um post só disso, se houver pedidos, hehehe.

Dica de comer: Taller de Pizza.
Pizza em pedaços, tudo fresquinho, massa excelente e lugar fofo.
Tudo ótimo.

Beijo!


segunda-feira, 27 de julho de 2015

Barcelona - Dia 01

Tô aqui!
Presente!

Vou fazer como sempre faço pra não morrer de depressão depois de voltar de viagem: ver fotos. Já organizei todas, dia por dia, e, pra me dar mais estímulo ainda pra editá-las e depois fazer meus álbuns, vou selecionar algumas pra colocar aqui. Visitamos Barcelona, Madri, Toledo e Segovia. Vamos começar na Catalunha.

Antes de tudo, não vou ter a pretensão de dar dicas de viagem (a não ser que sejam bem específicas, por exemplo, como viajar com a Nalu, hehehehe), já que por aí tem zilhões de fontes muitos melhores que eu. Mas se você pretende ir à  Barcelona, a única coisa OBRIGATÓRIA que deve fazer pra organizar seus roteiros é navegar pelo blog passaportebcn.com. Eu, obviamente, não conhecia até começar a pensar nos meus roteiros pela cidade, mas quando descobri esse site, ficou tão mais fácil que agora é a única dica que dou. O conteúdo é tão organizado e bem explicado que chega a ser fundamental pra quem está programando conhecer a cidade. Fizemos até alguns roteiros sugeridos e foi excelente pra aproveitar melhor o dia (ainda mais viajando com criança). Ótimo.

Chegamos na hora do almoço e, como nosso hotel era muito perto do Passeig de Gracia, a avenida com as casas de Gaudí, deu tempo de almoçar e conhecer a Batlló. Preciso dizer que é sensacional? Já tô vendo que vão me faltar adjetivos pra essa viagem.

Duas das três casas da manzana de la discordia. Super lindas. A fachada da Battló é incrível. Nem posso imaginar a substância que o camarada tinha na cuca pra pensar num negócio desses.

Na fila.



 Nem vou me atrever a dissertar sobre Gaudí (quen soy yo?), mas o que acho mais incrível é que nada é por acaso. Nada. Qualquer detalhe que você encontrar, tem um propósito. Fiquei BEM impressionada com a Battló e, mais ainda, com a Milá.

Se quiser ver só um tiquinho dela, tem um vídeo lindo aqui.

Reparem naquela cestinha bem abaixo do telhado.

Aqui somos nós dentro dela.



"Seu guarda, eu não sou vagabundo, não sou delinquente, blablabla..."

 Só uma olhadinha de longe para Pedreira.

 Sendo linda na Plaza da Catalunya.

E uma decidinha rápida em Las Ramblas.

Vou tentar fazer um dia por dia (aloka), portanto, cenas do próximo capítulo.

Beijo!